onselectstart='return false'> expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

CLIQUE AQUI E SE INSCREVA!

terça-feira, 26 de agosto de 2014

O ciclo de vida dos cabelos

Olá,
O corte periódico dos cabelos  impedem a formação de pontas duplas e a quebra no comprimento do fio. Na comparação de um fio de cabelo masculino natural e um feminino com tratamento químico, sob a mira de um microscópio eletrônico, percebe-se que o fio masculino é geralmente mais espesso, as camadas estão coesas, bem compactadas e firmes. O fio feminino é poroso, frágil e desvitalizado, totalmente propenso a quebra e desgaste.
O ciclo de vida dos cabelos:
Quando o ciclo de desenvolvimento do cabelo é afetado por fatores externos como dietas rápidas e milagrosas, pobres em nutrientes, além do fator genético, surge a indesejável calvície precoce.
  
Nas diferentes raças humanas existem variações quanto à ondulação, cor e espessura do fio. As características quanto as espessuras moleculares e o ciclo de vida dos cabelos, no entanto, são iguais para todos os povos e, de fato, todas as pessoas vão perder cabelos, algumas mais; outras menos.
Para os humanos, a perspectiva de uma calvície, principalmente precoce, é assustadora. Por isso, a perda dos cabelos tem um impacto emocional muito grande nas pessoas afetadas. As mulheres sofrem mais que os homens, pois na mulher os cabelos também são considerados um atributo da sensualidade feminina. 
Nos homens, o principal fator de perda dos cabelos é devido à alopecia androgenética - andro = hormônio masculino e genético = predisposição transmitida por genes - que provoca queda de cabelos crônica e difusa. A evolução da alopecia androgenética inicia-se por volta dos 17 ou 18 anos, com uma significativa queda diária dos fios. Já nas mulheres, os fatores da calvície também podem ser hereditários, e devido ao uso excessivo de produtos e tinturas nos cabelos, problema de tireóide, entre outros, além das pílulas anticoncepcionais.
O cabelo tem um ciclo de vida que está dividido em três etapas distintas de desenvolvimento:
Fase Anágena: corresponde ao crescimento ativo do cabelo. Dura de três a seis anos.
Fase Catágena: é o período de regressão, ou seja, o cabelo começa a morrer. Durante três semanas.
Fase Telógena: dura aproximadamente três meses, onde o cabelo morto é empurrado por um fio novo, fio anágeno. A nossa cabeleira possui de 80 a 90% de fios na fase Anágena, onde de 50 a 100 fios de cabelos caem diariamente.
 Como ocorre a queda capilar:
O início da queda de cabelos varia, e vai desde a puberdade até a quarta década, com variações na intensidade e no ritmo, dependendo de como cuidamos dos cabelos para não afetar o seu ciclo. Em mulheres, pode ter início na sexta década, coincidindo, geralmente, com a menopausa. A calvície masculina, entretanto, é mais fácil identificar e raramente se confunde com a evolução do quadro e pode ocorrer até a perda total dos cabelos numa determinada área.
Há ainda nos homens o agravante de uma enzima chamada 5-alfa-redutase, que transforma o hormônio testosterona em diidrotestosterona (HDT). Este é o responsável pelo afinamento dos cabelos e diminuição progressiva dos novos folículos, que iriam gerar novos fios de cabelos. Com isso o ciclo de vida do cabelo é diminuído, a fase Telógena é antecipada e o resultado é a calvície masculina, chamada de alopecia androgenética.
 
Tratamentos:
Primeiro passo - Exame clínico realizado na clínica dermatológica denominado tricograma, que tem valor indispensável para o diagnóstico preciso e a conduta terapêutica. Neste exame colhem-se informações necessárias como antecedentes familiares, rapidez do fluxo seborreico, película gordurosa, tipos de produtos capilares usados, grau de ansiedade e características do paciente, medicamentos utilizados entre outros agravantes também são importantes para um diagnóstico preciso.
Segundo passo - Opções de tratamentos, que podem amenizar e, até mesmo, recuperar alguns fios já perdidos. Mas o exame é imprescindível para a escolha do melhor método. Sem dúvida nenhuma, o tratamento com mesoterapia, com finasterida, loção à base de minoxidil, acido retinóico e xampu à base de cetoconazol ainda são os mais indicados. Há, porém, um tratamento a laser que é super indicado também, ele atua na revitalização capilar de homens e mulheres com queda de cabelo, em grau inicial ou intermediário, além disso, ajuda também no combate à oleosidade do couro cabeludo e no crescimento dos fios.
 
Curtam Beleza em Ação aqui.

B e i j i n h o s
e até mais. . .

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não saia sem comentar. Gostaria de saber sua opnião para que eu possa melhorar as postagens e fazer um trabalho cada vez mais eficiente...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...