Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

quarta-feira, 16 de abril de 2014

Peeling em Capsulas

Olá,
Já ouviram falar no Peeling em capsulas??? Ele possui os mesmos benefícios dos peelngs tradicionais, é a inovação em Nutricosméticos.
É uma super novidade importada da frança, que renova profundamente a pele, realizando um verdadeiro peeling oral, é extraído da Oliva e possui alto poder Anti-oxidante.
 
Oli-Ola: 
É o nome dessa novidade, ele é um extrato 100% natural da oliva produzido por cultura orgânica, na região sul do Mediterrâneo, possui alta concentração de compostos fenólicos (hidroxitirosol) que além de possuírem alta capacidade antioxidante, é capaz de promover efeito peeling na pele, como os peelings químicos e físicos. O extrato de Oli-Ola é produzido em uma linha de fabricação sem solventes, processo exclusivo que garante tanto a sua segurança quanto a sua eficácia. Além de, promover efeito peeling na pele, Oli-Ola impede o estresse oxidativo, também é regulador de colesterol, anti-hipertensivo, anti-inflamatório, anti-carcinogênico, antimicrobiano, antienvelhecimento cronológico e fotoenvelhecimento, além de reforçar o sistema imunológico.
Benefícios do Oli-Olá:
- Promove diminuição da hiperpigmentação cutânea com melhora da uniformidade da tonalidade da pele;
- Estimula a produção de colágeno e aumenta o tempo de vida dos fibroblastos;
- Melhora significativamente o tempo de duplicação da população de células;
- Melhora a elasticidade cutânea e reduz a perda e as alterações funcionais da elastina dérmica;
- Estimula a renovação celular e modula a taxa de crescimento e apoptose de queratinócitos;
- Hidroxitirosol é capaz de modular a taxa de renovação celular, normalizando a descamação da pele.


Indicações:
- Antioxidante;
- Regulador de colesterol;
- Antiinflamatório;
- Combate o envelhecimento cronológico e o fotoenvelhecimento;
- Reforço ao sistema imunológico.
Vantagens do Peeling em cápsulas:
- Pode ser usado por todos os fototipos cutâneos;
- Apresenta boa adesão ao tratamento;
- Não causa desconforto cutâneo;
- Apresenta segurança de uso e ausência de complicações.
Obs.:
Tomar uma cápsula ao dia.

B e i j i n h o s
e até mais. . .

terça-feira, 15 de abril de 2014

Unhas em parceria com Gi Adesivo de Unha Artesanais

Olá,
Primeiras unhas com os Adesivos artesanais da Gi, que recebi e mostrei aqui neste post, coloquei dois em cada mão, e usei como base o esmalte Pétala branca e as demais unhas pintei com Extravasa Picolé cremoso, coloquei fitinhas dourada, passei uma camada de extra brilho e uma camada de glítter brilliant glam radiance da Impala. Usei pra ir numa festa infantil. Confere os resultados abaixo:
 
 

 
 
B e i j i n h o s
e até mais. . .

segunda-feira, 14 de abril de 2014

Nutrientes que deixam os cabelos mais lindos

 
Olá,
O uso de bons shampoos, condicionadores e Máscaras de boa qualidade fazem toda a diferença quando o assunto é cuidados com os cabelos, mas o tratamento real vem de dentro para fora, com o consumo equilibrado de todos os alimentos.
Para manter cabelos saudáveis, fortes e brilhantes é fundamental manter uma dieta balanceada e com as quantidades adequadas de todos os nutrientes.
Segue abaixo uma lista c com os nutrientes que deixam os fios mais fortes, ajudam no crescimento e os deixa mais lindos:
 
Ácidos Graxos polinsaturados:
Principais fontes: carnes vermelhas, frango, peixe, ovos, queijo e derivados, grãos.
Deficiência: fios fracos e com pouco crescimento.
Quantidade necessária: 12 g por dia, que corresponde a cerca de 3 nozes.

Biotina:
Principais fontes: fígado, gema de ovo, nozes, cereais e leite.
Deficiência: queda de cabelo.
Quantidade necessária: 25 mg por dia, equivalente a um ovo.
Cálcio
Principais fontes: leite e seus derivados, sardinha e salmão.
Deficiência: desse mineral deixa os fios dos cabelos mais quebradiços e finos, por isso o consumo do cálcio é muito importante.
Quantidade necessária: 1000 mg por dia, equivalente a 1 litro de leite por dia. Cobre:
Principais fontes: nozes, castanha, legumes, grãos integrais, crustáceos, fígado.
Deficiência: pouco crescimento dos fios.
Quantidade necessária: 2 mg por dia equivale a 100g de Shiitake cozido.
Ferro:
Principais fontes: carnes vermelhas, miúdos, brócolis, espinafre, lentilha, feijão.
Deficiência: desse mineral pode causar queda de cabelo.
Quantidade necessária: 14 mg por dia, que equivalem a uma concha de feijão branco + 1 bife de contra-filé + 1 copo de leite.
Magnésio:
Principais fontes: carambola, melão, abacaxi, nozes, frutos do mar, espinafre, semente de abóbora, amêndoas, chocolate com mais de 60% de cacau e bananas.
Deficiência: diminuição na produção de queratina
Quantidade necessária: 260 mg por dia, cerca de 100 g de Amêndoas.
Proteínas:
Principais fontes: carnes vermelhas, frango, peixe, ovos, queijo e derivados, grãos.
Deficiência: fios fracos e com pouco crescimento.
Quantidade necessária: 50 g de proteína por dia, equivalente a 2 bifes pequenos.
Selênio
Principais fontes: Bacalhau, atum, salmão, ostras, gérmen e farelo de trigo e castanha-do-pará.
Deficiência: envelhecimento dos fios.
Quantidade necessária: 55 mg por dia, equivalente a uma posta de salmão de 100 g ou apenas 1 castanha-do-pará.

Vitaminas do Complexo B:
Principais fontes:
B2: leite e derivados, fígado, carnes, ovos e vegetais folhosos verdes.
Deficiência: Pouco crescimento dos fios
B6: vísceras, carnes magras, cereais integrais, frutas, legumes, grãos e nozes
Deficiência: Pouca produção de queratina.
Quantidade necessária:
Vitamina B2: 1,1 mg por dia, o equivalente a 2 copos de leite desnatado.
Vitamina B6: 1,3 mg por dia, equivalente ao consumo de um filé de frango.

Vitamina A:
Principais fontes: leite, ovos, queijo, fígado, cenoura e espinafre.
Deficiência: descamação do couro cabeludo.
Quantidade necessária: 600 mg por dia, o equivalente a uma cenoura grande.
Vitamina C:
Principais fontes: morango, laranja, limão, acerola, tomate e folhas verdes.
Deficiência: envelhecimento dos fios.
Quantidade necessária: 45 mg por dia, que corresponde a 100 ml de suco natural de laranja.

Vitamina E:
Principais fontes: óleos vegetais, nozes, amendoim, peixes, verduras, gema de ovo, milho.
Deficiência: fios quebradiços e finos.
Quantidade necessária: 10 mg por dia equivalente a 2 espigas de milho ou 1 xícara de amêndoa.
Zinco:
Principais fontes: carnes, fígado, gema de ovo, grãos integrais, crustáceos, farelos de trigo, nozes.
Deficiência: Cabelos enfraquecidos, oleosos e com pouco crescimento.
Quantidade necessária: 7 mg por dia, equivalente a 100 g de carne moída. 
 
B e i j i n h o s
e até mais. . .

sábado, 12 de abril de 2014

Produtos para o cuidado com a pele no Outono

Olá,
No Outono os cuidados com a pele precisam ser redobrados, pois esta estação é uma das maiores inimigas da pele. Principalmente porque no verão (estação que precede o Outono), expomos nossa pele ao sol, praia e piscina, e no Outono começamos a correr atrás dos prejuízos.
Uma ótima forma de cuidar da pele é utilizar produtos específicos para sua pele. Uma outra ótima forma é evitando o estresse, que é inimigo mortal da boa pele, o estresse causa muitos danos e deve ser evitado. 

sexta-feira, 11 de abril de 2014

7 Dicas para salvar os cabelos dos estragos de verão

Olá,
Chegamos no Outono  e com o acúmulo de estragos do verão causados pelo sol aos nossos cabelos.
Ter cabelos naturalmente bonitos pode ser uma questão de bons hábitos na vida. Frizz, ressecamento dos fios e falta de brilho são problemas que podem se resolver com mudanças de hábitos. O que você faz no seu cotidiano em prol dos seus cabelos? Abaixo listei sete dicas para salvar os cabelos dos estragos do verão.
1. Usar bons produtos:
Bons cosméticos são determinantes para ter cabelo bonito. Pouquíssimas pessoas possuem cabelos lindos ao natural, sem nada. Quando você observar qualquer cabelo bonito, desconfie! Quase sempre há um bom produto sendo usado;
2. Parar de esticar o cabelo:
Todos concordam que manter o cabelo encaracolado/anelado bonito ao natural não é nada fácil. Só que alisar o cabelo, seja com química ou com o ferro quente (chapinha/secador) pode danificar a estrutura do cabelo com o passar do tempo. Tente olhar para o futuro dos seus cabelos;
3. Hidratação:
Hidratar profundamente proporciona a devolução da água que o cabelo perdeu, que provoca o efeito “frizz”. A melhor maneira de ter cabelos naturalmente bonitos é com hidratações constantes;
4. Aparar sempre as pontas:
Tem pessoas que acham que para ter um cabelo bonito é só deixar crescer, crescer…Cortar nem sempre é fácil, mas para ter cabelos bonitos é preciso aparar as pontas.  Cortar faz parte dos cuidados básicos com os cabelos;
5. Bons hábitos alimentares:
Se Seus cabelos estão quebradiços, sem brilho e/ou caindo? Observe o que você coloca no seu prato. Seu cabelo é o que você come! Alimentação equilibrada e saudável = cabelo bonito e forte;
6. Beba muita água:
Você sabia que o ressecamento do cabelo pode ser falta de ingestão de água? A melhor forma de hidratar é de dentro para fora;
7. Longe do estresse:
O estresse pode fazer os cabelos entrarem e colapso, você sabia disso? Pode observar: quando o nível de estresse aumenta e se torna contínuo afeta diretamente a saúde dos cabelos. Sorria mais e procure formas de relaxar e se desligar da correria diária.

B e i j i n h o s
e até mais. . .
 

quinta-feira, 10 de abril de 2014

Dicas de SHAMPOOS para os cachos infantis

Olá,
Você costuma lavar os cachos da sua pequena(o) com qualquer shampoo ou algum específico??? Pois bem, neste post mostrarei os shampoos que uso na minha cacheadinha.
Se você costuma lavar com o mesmo shampoo que lava o seu, pode ser que os cachos não fique tão soltinhos ou como você gostaria que ficasse, pois o PH do couro cabeludo de um adulto é bem diferente do  PH do couro cabeludo infantil, como mostrei aqui neste post.
E quando o shampoo é especificamente elaborado e testado dermatologicamente para o couro cabeludo infantil, isso quer dizer que foi criado para atender essa necessidade.
Abaixo listei seis shampoos específicos para o couro cabeludo infantil e um condicionador. Então vamos aos produtos:

quarta-feira, 9 de abril de 2014

7 Óleos para o cuidado dos cabelos

Olá,
Neste post falarei um pouco sobre os sete óleos capilares 100% naturais que uso e tratam os cabelos e o couro cabeludo.
1. Óleo de Argan:
É um ótimo tratamento para cabelos e condiciona profundamente os fios, pode ser usado junto com o leave-in. Ele restaura o brilho dos cabelos e ajuda a reparar pontas duplas. Rico em vitaminas A, D e E, que proporcionam efeito antioxidante e regenerativo aos fios. Ele melhora brilho e dá maciez e sedosidade aos cabelos, por isso, é perfeito para madeixas coloridas ou com química.
Além disso, protege os fios contra a umidade, já que possui propriedades hidrofóbicas, ou seja, repele a água. Porém, ele não é específico para a proteção dos raios UV. Então é importante usar também um protetor solar capilar.
2. Óleo de Abacate:
É rico em ácidos graxos essenciais que fortalecem o cabelo e o mantém alimentado e lubrificado, e vitamina E, que nutre, enquanto que as proteínas no óleo de abacate pode fortalecer o cabelo.
Aplicar óleo de abacate diretamente em seu cabelo não só mantém o cabelo forte e bonito , também é benéfico se você estiver enfrentando caspa ou psoríase do couro cabeludo. Já o óleo de abacate age como um protetor solar natural, e ajuda a proteger o cabelo eo couro cabeludo contra os raios UV prejudiciais do sol.
3. Óleo de Mamona ou Rícino:
Possui propriedades anti-inflamatórias, anti-bacterianos e anti-fúngicos. Atua como um umectante, ajudando a manter os níveis de umidade. Um dos principais benefícios do óleo de mamona, porém, é sua capacidade de ajudar crescer e engrossar o cabelo.
As propriedades germicidas, insecticidas e fungicidas do óleo de rícino protegem o couro cabeludo e o cabelo de infecções microbianas e fungicidas que causam a perda de cabelo, além disso dá ao cabelo um brilho saudável e é facilmente absorvido pelo couro cabeludo.
O Óleo de Mamona aplicado diretamente no couro cabeludo, limpa completamente sem deixar qualquer vestígio de descamação. Ele remove a sujeira que obstrui os poros que, muitas vezes se torna a razão por trás da caspa e queda de cabelo. A caspa é também causada por produção de sebo em demasia, o que pode ser facilmente controlada pela propriedade antibacteriana do óleo de rícino.
As propriedades de cura pode ser utilizado para curar infecções do couro cabeludo e outros efeitos colaterais causada devido a diversos tratamentos químicos. Este óleo vai impedir que o cabelo se torne quebradiço e irá promover um crescimento saudável.
4. Óleo de Amêndoa:
O óleo de amêndoas dá brilho e maciez aos cabelos maltratados, queimados e quebradiços. Pode haver até recuperação de fios danificados e diminuição do volume, e os cabelos perdem a possível aparência quebradiça de antes da aplicação.
Entre os vários benefícios, ele nutre o cabelo, contem vitamina E, suaviza as cutículas do cabelo, dá brilho e pode reduzir a queda de cabelo e caspa.
5. Óleo de Oliva:
Possui  vitaminas A, D, E e K, é um poderoso antioxidante e deixa os cabelos mais nutridos, melhora o aspecto das pontas, prevenindo o aparecimento de pontas duplas. O azeite de oliva age como fortificante rejuvenescendo os fios fazendo com eles cresçam mais saudáveis. Uma bela maneira de se utilizar o azeite de oliva nos cabelos é acrescentá-lo na Máscara de tratamento e usá-lo para fazer uma hidratação a cada quinze dias. Os benefícios são admiráveis, pois os fios além de bem hidratados ganham um brilho encantador. 
6. Óleo de coco:
Rico em ácidos graxos e vitamina E, é um ótimo hidratante e tem alto poder de penetração na cutícula do fio, por isso é indicado para fios ressecados. Pode ser encontrado em forma de óleo puro ou manteiga e, dependendo do uso, tem inúmeras finalidades. Entre elas, controla o frizz e as pontas duplas, além de deixar os cabelos mais maleáveis e fáceis de pentear. O óleo de coco também é uma ótima opção para quem quer hidratar os fios profundamente. Suas propriedades restauram a estrutura dos fios, proporcionando equilíbrio aos cabelos danificados.
7. Óleo de semente de uva:
O óleo de semente de uva é considerado um remédio natural para fazer os fios crescerem mais rápido, já que a vitamina E atua no fortalecimento e contribui para tornar os cabelos mais brilhantes e menos frágeis.
Sua textura não gordurosa permite uma rápida absorção pelos fios, por isso o óleo de semente de uva pode ser aplicado em qualquer tipo de cabelo.
Nos cabelos secos e crespos, o óleo suaviza as cutículas do cabelo, preservando a umidade para manter o aspecto de hidratação. Outra propriedade do óleo de uva é que ele também pode ser usado para tratamentos capilares com óleo quente.
Ele pode ser usado para alimentar o couro cabeludo e o cabelo, sem deixar a acumulação de outros óleos que pesam o cabelo.

E você??? Usa algum desses óleos? Responda nos comentários!

Curtam a Fanpage Beleza em Ação aqui.

B e i j i n h o s
e até mais. . .